Grupos Maristas do RS

Missão jovem Marista proporciona imersão e formação

PJM,

Oportunizar aos/às adolescentes e jovens uma experiência com grupos que estão contribuindo para a construção da Civilização do Amor.
Essa foi a proposta colocada, a partir da Missão Jovem Marista (MJM), para Animadores/as e Assessores/as.

Nos dias 26 a 29/07, 21 Animadores/as e Assessores/as dos Colégios, Unidades Sociais e PUCRS vivenciaram experiências que comprovaram que é possível [e urgente] a Civilização do Amor. E que existem pessoas que criaram espaços que possibilitam essa construção, a partir de uma nova perspectiva e olhares.

O primeiro dia da MJM foi dedicado a entender o conceito de [missão] e [experiência] que seria colocado em prática nesses dias, assim como de entender melhor o conceito de economia solidária.
Os espaços em que os missionários/as iriam atuar eram gestados a partir desta concepção.


         Exercício de olhar a partir de novas perspectivas as situações e lugares 

Para isso, foi realizada uma roda de conversa na Associação de Voluntariado e Solidariedade (Avesol), que trabalha na formação e organização de emprendimentos, cooperativas e associações que trabalham com economia solidária. 

No final desse primeiro dia foi celebrado o que se aprendeu e ouviu, em preparação a imersão que seria realizada nos dois próximos dias (27 e 28/07).


                                     Umbuntu | Eu sou porque nós somos

Para a imersão na realidade os/as missionários/as foram divididos/as em três grupos, onde cada um/a teria a possibilidade de realizar atividades em 2 dos três espaços propostos, sendo eles:

- Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis do Loteamento Cavalhada (ASCAT) ( Porto Alegre).

Neste espaço, os missionários/as puderam entender a história do grupo e a sua organização em cooperativa, assim como, juntamente com os/as catadores/as [que são também conhecidos como os/as profetas da ecologia] passaram o dia separando e fazendo a triagem do lixo/material reciclado.


                              Trabalho de separação e triagem do lixo 

- Rede de Ação Social Murialdo (Porto Alegre)
Os/as missionários/as que lá estavam, atuaram em dois espaços, na biblioteca comunitária Ilê- Ará e junto ao serviço de convivência e fortalecimento de vínculos.
Nos dois espaços puderam conviver com as crianças e através de atividades, brincadeiras e músicas experienciar a convivência fraterna.

- Projeto Ecosouvenir (Viamão)
O que para alguns é material de descarte, no projeto Ecosouvenir, da Associação Fundo de Quintal (zona rural de Viamão), é possível confeccionar bolsas, pastas, cestas de piqueniques e tantos outros materiais que a imaginação proporciona.
Neste espaço, os voluntários puderam ajudar na separação, limpeza e confecção do material produzido.


                            Missionárias realizando a triagem das lonas 

Em ambos os lugares, uma verdadeira imersão que proporcionou observar e conhecer realidades distintas, envolver-se nas atividades e refletir sobre o que foi sentido e experienciado.
Sim! Hoje já podemos afirmar [ainda com mais certeza] que um outro mundo é possível se trabalharmos no [e pelo] coletivo.
Os relatos ao final do dia de cada um/a, foi comovente, contagiante e repletos de mística!

No último dia de missão (29/07), Ir. Antonio Cecchin dialogou com todos/as sobre a sua história intimamente ligada aos movimentos sociais.
Um verdadeiro testemunho da Igreja do avental, um dos princípios da PJM.


                              Irmão Cecchin entre os adolescentes e jovens 

Foi tempo também de, a partir da experiência da missão, refletir que atitudes individuais, ancoradas nos princípios coletivos elencados pelo grupo, cada um/a teria para contribuir com uma nova proposta de sociedade.

O dia [e a missão] foi finalizado com uma celebração e envio, na ótica do serviço no seguimento de Jesus de Nazaré!


           O avental foi um dos símbolos usados por todos/as os missionários/as
             durante a MJM, que contribui na reflexão e ação, do 'estar a serviço"

Veja em imagens como foram esses dias!