Grupos Maristas do RS

Dia de Ação de Graças | Sempre é tempo de agradecer

Mística da PJM,
Sempre é tempo de agradecer, mas por uma convenção mundial - ou nem tão mundial assim -, novembro foi escolhido o mês para nos lembrar que sempre é tempo de agradecer. O Dia de Ação de Graças, conhecido em inglês como Thanksgiving Day, é um feriado celebrado nos Estados Unidos e no Canadá, observado como um dia de gratidão a Deus, com orações e festas, pelos bons acontecimentos ocorridos durante o ano, atualmente é comemorado na última quinta-feira de novembro.
 
Porém, falar de ação de graças em novembro é tão comum, tão desconectado de nossa cultura, que desta vez decidi mudar. Decidi trazer a gratidão e o agradecimento para uma realidade já bem conhecida nossa, algo que podemos agradecer, de verdade, de coração, com propriedade: O Encontro de Jovens Maristas (EJM) e passagem bíblica que narra a ida de Maria à casa de Isabel!
 
É até difícil escolher unicamente uma coisa para agradecer, e acredito que isso seja impossível, tendo em vista que o EJM acontece, de fato, em um único dia, mas sua preparação vem nos acompanhando desde a edição do ano anterior. Se eu pudesse definir o EJM em poucas palavras, gratidão seria uma delas, com certeza.
 
O acaso é que a origem da palavra "obrigado" como forma de agradecimento vem do latim obligatus que, traduzindo, emprega o sentido de ligar, amarrar, ou seja, ficar eternamente ligado pelo favor que se faz. Quando pronunciamos a palavra "obrigado(a)", criamos um elo, mesmo que momentâneo. E agora me digam vocês, não é exatamente isso que acontece no EJM? Nossos caminhos se cruzam e reúnem-se todos os corações em uma só sintonia, celebramos a caminhada, e ainda agradecemos por tudo aquilo estar se tornando realidade mais uma vez. 
 
Após a boa-nova do Anjo Gabriel, Maria foi à Casa de Isabel, ambas agraciadas pela benção da maternidade, Maria foi ao encontro de sua prima para celebrar e agradecer. Em seu cântico a Isabel, a Boa Mãe se diz bem-aventurada, porque Deus fez grandes coisas em seu favor, tornando-a eternamente grata em razão disso. Que possamos ir ao encontro uns dos outros/as, assim como Maria foi até Isabel, celebrar e agradecer a caminhada já feita e que possamos agradecer por sermos bem-aventurados/as, afinal Deus fez - e faz, todos os dias - grandes coisas em nosso favor. 

Para reflexão: 
- Pelo o que sou grato/a?
- Por quem e para quem eu agradeço?

Sugestão de dinâmica:
  • Convidar o grupo para dar-se as mãos e formar um grande círculo;
  • Colocar uma música e pedir que façam girar o círculo, dançando ao som da música;
  • Parar a música e subdividir, formando dois grupos: um externo e um interno, com a mesma quantidade de pessoas;
  • Continuar a música e pedir que os grupos girem em sentido contrário;
  • Quando a música parar de tocar, as pessoas devem se apresentar para quem parar a sua frente: dizer o nome e falar de coisas boas que lhe aconteceram neste ano e que as motiva para o gesto de gratidão;
  • Depois de alguns minutos, voltar ao grande círculo, girando ao som da música;
  • Pedir para que todos façam um minuto de silêncio, enquanto se deposita ao centro do círculo algumas flores, uma vela acesa e uma cesta vazia;
  • Entregar a cada Participante um cartão em formato de coração;
  • Ao som da música de fundo, cada dupla que conversou anteriormente vai para o centro do círculo e, por um instante, silenciosamente, ou em voz alta, faz seu agradecimento, depositando seu pequeno coração na cesta, em sinal de gratidão por tudo de bom que já recebeu na vida. Retorna ao seu lugar e apresenta-se a outra dupla, até que todos realizem o gesto;
  • Concluir com um canto de agradecimento, finalizar com a troca de abraços, simbolizando a alegria de compartilhar as belezas da vida com os outros.

Bibliografia:
Jornal Mundo Jovem
Wikipedia

Texto: Angelina Fonseca | Animadora do Colégio Marista Maria Imaculada e integrante da Equipe Provincial da PJM 2016

Música: